Comunidade centrada no Evangelho




Essa lição é um “ponto crítico” do estudo. Ela apresenta o conceito da “fé que atua pelo amor” (Gl 5.6). Nós nunca amaremos uns aos outros como Deus deseja que façamos, a menos que entendamos como a fé na obra de Cristo provê o fundamento e a motivação desse amor.

~


Nessa lição, queremos explorar como o evangelho nos concede poder e torna possível uma comunidade mais profunda. Por “comunidade profunda” queremos dizer a comunidade na qual os relacionamentos são cada vez mais moldados pelas coisas boas que procedem da confiança em Jesus e nas promessas do evangelho, tais como: uma confiança crescente, franqueza, humildade, serviço, disposição para aprender e prestação de contas. Tais características refletem o caráter de Deus e suas intenções para com os relacionamentos humanos. (Os conceitos trabalhados aqui ainda são os mesmos da lição anterior, mas agora os abordamos de um ângulo diferente. Como consequência desse estudo, seu grupo deve começar a confrontar algumas de suas barreiras para uma comunidade mais profunda e vivificante.


~



Essa lição se concentra na forma que a comunidade expõe nosso pecado e nossa incredulidade, conduzindo-nos a uma dependência mais profunda do que Jesus realizou por nós em sua morte e ressurreição. Quando começamos a enxergar a comunidade como um meio de formação espiritual, percebemos todas as lutas ou problemas nos relacionamentos como “oportunidades do evangelho”: uma chance de crer nas promessas do evangelho de modo mais profundo e depender do Espírito Santo para mudar nosso coração e nossa vida da forma que Deus deseja.


~



A vida em comunidade é algo que todos nós queremos. Todo ser humano deseja manter relacionamentos significativos: um ambiente no qual possa conhecer pessoas e ser conhecido por elas. Do ponto de vista teológico, esse desejo pela vida em comunidade está enraizado no próprio Deus: Ele é um ser relacional (três pessoas em uma, como é a trindade), e nós fomos feitos à imagem dele. Neste tema da vida em comunidade vamos explorar através da estrutura Criação-Queda-Redenção-Consumação. De que maneira o fato de ser criado a imagem de Deus fornece ao homem o fundamento para uma comunidade significativa? Como a queda destrói a vida em comunidade? De que forma a redenção em Jesus renova nossa capacidade de viver em comunidade? E de que modo a comunidade prevê o contexto para nossa transformação contínua? Este tema fornece a base para o entendimento bíblico do evangelho e da comunidade.


~



0 Comentários:

Postar um comentário

 

Todos os domingos você ouvirá a palavra do Senhor em nossa igreja! Cremos no Evangelho de Jesus Cristo, pois cremos que não há o que possamos fazer para causar transformação na vida das pessoas, isso é obra inteiramente do Espírito Santo que atua na igreja de forma sobrenatural, levando pessoas ao arrependimento e transformando vidas. Você ama a palavra de Deus? Venha nos fazer uma visita e adorar ao Deus trino em nossa congregação.

Copyright © AD Jardim Botânico™ . Igreja Assembleia de Deus Jardim Botânico. Tv. Serafim Terra, 133 - Jardim Botânico, Porto Alegre - RS, 90690-280.
Pertencente à AD Porto Alegre. Tema do site desenvolvido por Templateism.. Soli Deo gloria.